Conecte-se conosco

7 razões para você conhecer o interior do RN

Turismo

7 razões para você conhecer o interior do RN

7 razões para você conhecer o interior do RN

Foto em destaque: Caio Castro na Cachoeira do Pinga, Portalegre/RN

O Rio Grande do Norte é um dos destinos mais procurados do Brasil e entre os principais motivos dessa demanda turística tão grande está a beleza do nosso litoral, que é cercado por praias paradisíacas, dunas, lagoas de águas cristalinas, entre outros atrativos. Apesar de tantas opções já consolidadas, o nosso Estado tem muito mais a oferecer. Ainda fala-se pouco do potencial que o interior possui, uma verdadeira mina de ouro para os amantes do turismo de aventura, cultural e gastronômico.

Talvez um dos principais fatores para a não popularização do interior do nosso Estado como destino turístico esteja ligado diretamente à falta de investimento em divulgação. Mas se você é potiguar e gosta de conhecer lugares fantásticos gastando pouco, nada melhor e mais econômico que viajar pelo próprio Estado. Uma coisa é certa: você irá encontrar uma significativa variedade de destinos fantásticos e com atrativos para todos os gostos.

Confira a lista do TodoNatalense:

SERRAS

Serra de São Bento | Foto: Carla Belke

Um dos cenários mais presentes no interior do RN são as imponentes montanhas. Normalmente cercadas por vegetação, tornam-se um verdadeiro paraíso para os amantes de esportes de aventura como rapel, escaladas, trilhas e até mesmo voo de asa delta. Muitas dessas cidades serranas já dispõem de uma boa estrutura para receber os turistas, como é o caso da Serra de Martins, Monte das Gameleiras e outros municípios.

Nos últimos anos várias agências de turismo têm explorado o potencial da região, então não há desculpa pra deixar de conhecer essas maravilhas potiguares.

CACHOEIRAS

Cachoeira do Roncador em Felipe Guerra | Foto: Joilson Garcia / RN NATURAL

As cachoeiras são cenários bastante atípicos para o potiguar que mora próximo ao litoral. A maioria delas se encontra em regiões interioranas e é simplesmente fantástica. Os locais são sempre santuários ecológicos e, além de um banho delicioso, proporcionam ao visitante um contato ímpar com a natureza. Diferente das regiões serranas, os municípios que possuem cachoeiras ainda não desenvolveram uma estrutura tão boa para receber turistas, mas boa o suficiente para quem prioriza a aventura em vez do luxo.

ARQUEOLOGIA

Pintura rupestre no Lajedo de Soledade | Foto: Gabriel Costa Lima

Lajedo de Soledade | Foto: @moisesept

Segundo dados do site Brechando, existem 178 sítios arqueológicos tombados pelo IPHAN aqui no Rio Grande do Norte. O principal deles é o Lajedo de Soledade, que é considerado um dos mais importantes do Brasil. Em Santana do Matos (região do seridó) foi descoberto um sítio arqueológico com diversas pinturas rupestres, mas infelizmente muito pode ter se perdido devido à exploração de empresas mineradoras e pelo comércio ilegal de artefatos. Apesar de tudo, ainda existe muito o que visitar e conhecer.

NATUREZA

Região da Cachoeira do Relo em Luis Gomes | Foto: D’angels Maia

Entre as serras e cachoeiras sempre vem de brinde um infinito de verde que encanta todos os apaixonados por natureza. Pena que esse tipo de cenário é mais comum só em épocas de chuva. Nesse caso, é contar com uma ajudinha do céu para desfrutar de lugares dignos dos mais belos picos Europeus e ideais para você bater aquela foto e meditar um pouco em contato com a natureza.

GASTRONOMIA

Google Imagens

A culinária do interior é verdadeiramente uma maravilha. Galinha caipira, buchada, guizado são algumas dessas maravilhas que provavelmente sua vó capricha quando faz. Também vale destacar os respeitados festivais gastronômicos, como é o caso do Festival Gastronômico de Martins e o Festival de Inverno da Serra de São Bento. Também existem cidades que se destacam na produção de alguns alimentos específicos, como é o caso do Pastel de Tangará, Queijo manteiga de Caicó, Caldo de Cana de Ceará-Mirim, entre outros.

HISTÓRIA E CULTURA

Igreja Matriz de Ceará-Mirim | Foto: Carla Belke

As pracinhas, igrejas, casarões, fazendas,  engenhos, tudo isso têm uma história para contar e geralmente são fantásticas de se ouvir. Apesar do turismo cultural ser completamente desvalorizado no RN, o carinho em preservar suas tradições e memórias está presente na população das regiões do interior do Estado. Conhecer as tradições antigas no artesanato, nos festejos e costumes típicos do povo do interior é uma experiência incrível de se viver.

PAZ E SOSSEGO

 

Para fugir dos estressantes engarrafamentos, ‘zuada de gente abusando’ e inúmeros outros estresses que a região metropolitana proporciona, nada melhor que ‘fugir pro interior’. Provavelmente esse motivo não será essencial para sua escolha de ‘turistar’ lá pras ‘bandas de nós’, mas é um fator importantíssimo se você somar com outros que já listamos logo acima. Se você tem algum familiar no interior, fica ainda mais fácil pra viajar, sem contar com a calorosa receptividade desse povo e da sensação de segurança que ainda se tem em alguns lugares.

Deixe um comentário
Mateus Ângelo

Idealizador do TodoNatalense. Sou Designer Gráfico e Social Media desde 2013. Atualmente trabalho como diretor de comunicação no município de Ceará-Mirim.

Clique para comentar

Deixar uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Turismo

Topo